Depressão

A depressão é um flagelo da sociedade que  afeta não só a vida pessoal, como o rendimento profissional

A depressão é um estado de diminuição de energia e aversão a atividades que possam afetar os pensamentos, os comportamentos, os sentimentos e o sentido de bem-estar da pessoa. O humor depressivo é uma reação normal temporária a eventos autobiográficos, tais como a perda de um ente querido. No entanto, se estes sentimentos perdurarem no tempo e afetarem intensamente o dia-a-dia das pessoas, estamos perante uma depressão patológica. É comum o aparecimento dos seguintes sintomas: tristeza e aborrecimento, perda de interesse ou prazer, sentimentos de culpa ou de autoestima baixa, perturbações do sono ou do apetite, sensação de cansaço, baixo nível de concentração e, no limite, ideação suicida. A depressão pode afetar qualquer pessoa, independentemente do género, grupo etário, nível de educação e estatuto socioeconómico. Quando a depressão está presente, todas as áreas da vida são afetadas: dinâmica familiar, cuidados parentais, relacionamentos, trabalho e finanças. 

empresário / trabalhador isolado num canto de uma sala vazia, simboliza a depressão dum trabalhador

Impacto na Organização

A nível global, estima-se que mais de 300 milhões de pessoas sejam afetadas pela depressão e este número está a aumentar. Em Portugal, a prevalência da depressão é de 16,9%, o que traduz uma representação significativa desta perturbação. De reforçar também que a depressão é classificada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como o maior contribuinte da incapacidade para a atividade produtiva. A depressão tem um efeito muito mais negativo sobre a gestão do tempo e a produtividade do que qualquer outro problema de saúde. Consequentemente, as organizações sentem dificuldades, não só pelos danos diretamente causados pela depressão, mas também pela dificuldade em oferecer suporte adequado aos seus colaboradores. As organizações devem estar sensibilizadas para o facto de a depressão ser um fator potenciador dos riscos psicossociais dos colaboradores, quer individualmente, quer da equipa como um todo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *